Colégio Assunção
Projetos Sociais
Projeto Esperança

No início eram apenas oito meninos que tomavam conta dos carros na Alameda Lorena, no Jardins, bairro nobre de São Paulo. Eles tinham só um pedido: jogar bola nas quadras do Colégio Assunção. O que a princípio parecia apenas uma oportunidade de lazer, transformou-se em possibilidade de inserção social e melhoria na qualidade de vida de muitas crianças e adolescentes, com a criação do Projeto Esperança.

Criado a partir da iniciativa das religiosas da Congregação da Assunção, o Projeto Esperança já atendeu, em 17 anos de existência, a mais de 3 mil crianças e adolescentes das regiões periféricas da cidade de São Paulo.

As crianças e os jovens, com idades entre 6 e 17 anos, participam de atividades de reforço escolar, lúdicas, esportivas e de lazer, oficinas de informática, de inglês e de artes nas dependências do Colégio Assunção. Este trabalho acontece todos os sábados, das 8h às 17h e inclui café da manhã, almoço e lanche para todos os participantes.

Segundo Irmã Ilda Alves Pereira, diretora de pastoral do Colégio Assunção o trabalho realizado pelo Projeto Esperança, vem ampliando os horizontes e as oportunidades das crianças e jovens, oferecendo não só a alimentação, mas novos modelos de relacionamento e suporte para as outras necessidades básicas. "Nossa missão é oferecer oportunidades positivas de convívio para que esses menores e suas famílias resgatem a sua dignidade e participem como cidadãos na construção de uma sociedade mais justa".

Atualmente, o Projeto conta com a colaboração de 22 voluntários, pais de alunos, alunos de ensino médio, ex-alunos, pessoas da comunidade e funcionários do Colégio, atendendo, no total, aproximadamente 540 pessoas.

O Projeto é subsidiado pela renda da festa junina do Colégio Assunção e pelas doações de pessoas físicas e jurídicas, através do Clube de Doadores, o que garante a realização das atividades.